E por falar em sal…

17 de março de 2014

Receita: salada agridoce

17 de março de 2014

Vou contar sobre a flor de sal e o sal rosa

17 de março de 2014
empty image
empty image

No último post (digo, no penúltimo) eu falei sobre o sal. E chegaram comentários e emails (e whatsaps de amigos e pacientes! hehe) perguntando ou comentando sobre a flor de sal e o sal rosa. Então, nada mais justo que falar sobre esses dois produtos.

Flor de sal

Imagem

A flor de sal é também sal marinho (ou seja, NaCl, como expliquei anteriormente). Ele é produzido a partir da água do mar, que é colocada (ou vai através do movimento das marés) para tanques com até 2 metros de profundidade. Com o movimento dos ventos, pressão atmosférica e váááááááários outros fatores que não vem ao caso no momento, o sal forma cristais – que são chamados de flores. Quem gosta de cozinhar (e de comer) percebe que a textura da flor de sal é bem diferente! Eu tenho a sensação que ele derrete na boca com mais facilidade, mas o gosto é o mesmo (gosto de sal, claro). O preço é salgado como o sabor: 350 gramas de flor de sal podem custar R$ 20,50 com variações superiores. Para a saúde ele tem a mesma importância e pode ser vilão da mesma maneira. Como não passa por processos de refinamento, ele mantém alguns sais minerais além do Sódio e do Cloro, mas nada que vá fazer você trocar seu pacote de sal que custa apenas R$1,70 por essa florzinha gastronômica.

Sal rosa do himalaia

Imagem 

Eu chamaria a flor rosa do himalaia de it sal. É rosinha, bonitinho, e está fazendo a cabeça de um monte de gente que não percebeu que ele não produz milagres e não, não tem efeitos bombásticos de saúde no seu corpo. A alegação é que o sal rosa do himalaia (que tem origem no mesmo local do nome) é muito benéfico para a saúde por ter vários microminerais que o sal refinado não tem. Mas gente… a nossa necessidade de microminerais é tão pequena que conseguimos alcançar pela nossa alimentação normal e saudável. Para que comprar um sal que custa entre R$ 26,00 e R$44,00 (400 gramas de sal hein!)????????????????? Não é melhor você economizar esses quase 30 reais e investir em uma nutricionista ao invés de ficar seguindo ‘tendências alimentares’ da internet? A cor rosa do sal realmente é linda, bem girly, e é assim pelo teor aumentado de alguns minerais.

Mas no final das contas, a idéia é a mesma: salgar o alimento! Em excesso pode prejudicar sua saúde do mesmo jeito que o bom e velho sal refinado.  

Se você faz muita questão em ter um sal cor de rosa na sua casa, ou quer experimentar, acho super justo. Mas não compre acreditando em milagres! O verdadeiro milagre é comer de tudo um pouco, sem excessos e sem modismos! E se você ama cozinhar e quer experimentar a flor de sal, acho mais válido ainda! Mas lembre-se que a flor de sal é utilizada para finalizar, e não para o momento do preparo!

Beijos!

Até a próxima, e uma boa semana!

Marina